sábado, 19 de janeiro de 2013

#Reflexão : Facebook via Celular

Este vídeo é para refletirmos.  Principalmente nós que acessamos o Face via Celular !
Para mudarmos um pouco nossas atitudes, e olhar para a 
pessoa que muitas vezes está do nosso lado, e não percebemos, pois preferimos ter amigos virtuais, do que cuidar da nossa amizade pessoal.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

O Fenômeno ''Gospel''

Por: Will Albuquerque


            A música é um meio de expressar nossos sentimentos, nossos anseios, e até a nossa fé, para quem gosta de uma vida mais pesada e de uma boa música temos o exemplo do Rock, quem gosta de música sincera e humilde, e não nega suas origens, temos o Rap, para quem gosta de mais tranquilidade, temos o Reggae, e para quem gosta de admirar técnicas e potências vocais, temos a música clássica. Além de todos esses objetivos, ela também tem a missão de levar alegria e suspense, o que seria de uma festa sem música, ou de um filme sem trilha sonora?
E entre tantos estilos musicais temos a música Gospel, que leva mensagens de fé e esperança para todas as pessoas, independente da religião, pois ela não leva uma mensagem religiosa, mas sim uma mensagem transformadora, ela leva a palavra de Deus.
Pode-se dizer que a música gospel, ou a música evangélica é uma das mais antigas, pois desde o velho testamento, as pessoas adoravam a Deus com cânticos, ou seja, orações e agradecimentos em forma de música. Mas o termo gospel não está no vocabulário do brasileiro há muito tempo, pois até pouco tempo atrás música gospel era denominada ‘’Música de crente’’. Até porque a palavra Gospel é uma palavra da língua inglesa, que a língua portuguesa se apossou. Pois "Gospel” é derivado do inglês antigo ,‘’God-spell" que significa good news, em português, "boas novas". E essa é a mensagem que a música gospel traz, mensagens de esperança, e um fato curioso é que ela teve influência do Jazz e da música negra.
A música gospel teve grandes divulgadores, e um dos maiores destes durante o século XX foi o rei do Rock Elvis Presley, e uma das maiores cantoras gospel brasileira é a Cassiane, outros exemplos são: Aline Barros, e Ana Paula Valadão, inclusive Ana ficou entre os 100 maiores brasileiros de todos os tempos, outro grande exemplo é Regis Danese, quem nunca cantou um trecho da música ‘’ Entra na minha casa’’. E ela busca atender todos os gostos musicais, e é por isso que na música gospel existem outras categorias, assim como Rock gospel, Rap gospel, Reggae gospel.
Esse estilo cresceu tanto no Brasil que ela está cada vez mais na mídia, e recebeu o título de ‘’Manifestação Cultural’’, e esse crescimento fez com que ela ganhasse até um festival em das maiores redes de televisão do mundo, a Rede Globo, o chamado ‘’Festival Promessas’’.
O tipo de música que ouvimos, vai de acordo com a nossa essência, e com nossos princípios, e assim como em todos os estilos musicais, têm quem goste, assim como quem não goste, desde que não ofenda valores, pessoas, e não tenha apologia ao crime e à prostituição é nosso dever respeitar, então, como em todos os textos sobre estilos musicais. Vamos repetir o clichê: ‘’Respeito é bom, e todos nós gostamos’’.

quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

Eu queria mudar o mundo


Por: Will Albuquerque

Eu queria mudar o mundo... Queria dar comida aos necessitados.
Mas antes disso precisava saber valorizar a comida que eu tenho.

Eu queria mudar o mundo... Queria fazer trabalhos voluntários.
Mas antes disso precisava ser voluntário comigo mesmo, e parar de trabalhar tanto.

Eu queria mudar o mundo... Levar educação para milhares de crianças.
Mas antes disso eu precisava ser mais educado com o meu semelhante.

Eu queria mudar o mundo... Dar abrigo aos pobres.
Mas antes disso eu tinha que ajudar as pessoas ao meu redor.

Eu queria mudar o mundo... Levar paz para todos.
Mas antes disso tinha que parar de discutir por coisas tão insignificantes.

Eu queria mudar o mundo...
Mas a primeira mudança tinha que ser em mim, eu tinha que ser um espelho, para que as pessoas vissem a minha mudança, e ela contagiasse a todos.  Pois a maior mudança é em nós mesmos.

— Will Albuquerque

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Atalhos em nossas vidas

Dois jovens recém-casados, eram muito pobres e viviam de favor num sítio no interior.
Um dia o marido fez a seguinte proposta a esposa:
" Querida, eu vou sair de casa, vou viajar para bem longe, arrumar um emprego, e trabalhar até ter condições para voltar e dar-te uma vida mais digna e confortável.
Não sei quanto tempo eu vou ficar longe, só peço uma coisa: 
Que você me espere, e enquanto estiver fora, seja fiel a mim, pois eu serei fiel a você."
Assim sendo, o jovem saiu, andou muitos dias a pé, até que encontrou um fazendeiro que estava precisando de alguém para ajudá-lo em sua fazenda. O jovem chegou e ofereceu-se para trabalhar, no que foi aceito.
Pediu para fazer um pacto com o patrão, o que também foi aceito.
O pacto foi o seguinte: " Me deixe trabalhar pelo tempo que eu quiser e quando eu achar que devo ir, 
o senhor me dispensa das minhas obrigações. Eu não quero receber meu salário. 
Peço que o senhor o coloque na poupança até o dia em que eu for embora. 
No dia em que eu sair o senhor me dá o dinheiro e eu sigo o meu caminho."
Tudo combinado. Aquele jovem trabalhou durante 20 anos, sem férias e sem descanso.
Depois de 20 anos ele chegou para o patrão e disse:
"Patrão, eu quero o meu dinheiro, pois estou voltando para minha casa. O patrão então lhe respondeu.
Tudo bem, afinal fizemos um pacto e vou cumprí-lo, só que antes, quero lhe fazer uma proposta, tudo bem ?
Eu lhe dou todo o seu dinheiro e você vai embora ou lhe dou 3 conselhos e não lhe dou o dinheiro.
Vá para o seu quarto, pense e depois me dê a resposta."
Ele pensou durante 2 dias, procurou o patrão e disse-lhe:
" Quero os três conselhos."
O patrão novamente frisou:
" Se lhe der os conselhos, não lhe dou o dinheiro."
E o empregado respondeu:
" Quero os conselhos."
O patrão então lhe Falou:
1º Nunca tome atalhos em sua vida, caminhos mais curtos e desconhecidos podem custar a sua vida;
2º Nunca seja curioso para aquilo que é mal, pois a curiosidade para mal pode ser fatal;
3º Nunca tome decisões em momentos de ódio ou de dor, pois você pode se arrepender e ser tarde demais.
Após dar os conselhos o patrão disse ao rapaz, que já não era tão jovem assim:"Aqui você tem três pães, dois para você comer durante a viagem e o terceiro é para comer com sua esposa quando chegar em sua casa."
O homem então seguiu seu caminho de volta, depois de 20 anos longe de casa e da esposa que tanto amava. 
Após o 1º dia de viagem encontrou um andarilho que o cumprimentou e lhe perguntou:
Para onde você vai ?
Ele respondeu:
Vou para um lugar muito longe que fica a mais de 20 dias de caminhada por esta estrada.
O andarilho disse-lhe então:
Rapaz, este caminho é muito longo, eu conheço um atalho que é ‘dez’ e você chega em poucos dias.
O rapaz contente, começou a seguir pelo atalho, quando lembrou-se do 1º conselho, então voltou e seguiu o caminho normal.
Dias depois soube que o atalho levava a uma emboscada. Depois de alguns dias de viagem, cansado ao extremo, achou 
uma pensão a beira da estrada, onde pode hospedar-se.
Pagou a diária e após tomar um banho deitou-se para dormir. De madrugada, acordou assustado com um grito estarrecedor.
Levantou-se, de um salto só e dirigiu-se a porta para ir até o local do grito. 
Quando está abrindo a porta lembrou-se do 2º conselho.
Voltou, deitou-se e dormiu, Ao amanhecer, após tomar o café, o dono da hospedagem lhe perguntou se ele não havia 
ouvido um grito e ele disse que tinha ouvido.
O hospedeiro disse:
E você não ficou curioso ? Ele disse que não.
O hospedeiro respondeu:
Você é o primeiro hospede a sair vivo daqui, pois meu filho tem crises de loucura, grita durante a noite e quando o 
hospede sai, mata-o e enterra-o no quintal.
O rapaz prosseguiu na sua longa jornada, ansioso por chegar a sua casa. Depois de muitos dias e noites de caminhada.....
Já no entardecer, viu entre as arvores a fumaça de sua casinha, andou e logo viu entre os arbustos a silhueta de sua esposa.
Estava anoitecendo, mas ele pode ver que ela não estava só. Andou mais um pouco e viu que ela tinha entre os braços 
um homem, que a estava acariciando os cabelos. Quando viu aquela cena, seu coração se encheu de ódio e amargura 
e decidiu-se a correr de encontro aos dois e matá-lo sem piedade.
Respirou fundo, apressou os passos, quando lembrou-se do 3º conselho. Então parou, refletiu e decidiu dormir aquela 
noite ali mesmo e no dia seguinte tomar uma decisão.
Ao amanhecer, já com a cabeça fria ele disse:
" Não vou matar minha esposa e nem seu amante. Vou voltar para o meu patrão e pedir que ele me aceite de volta. 
Só que antes quero dizer a minha esposa que eu sempre fui fiel a ela."
Dirigiu-se a porta da casa e bateu. Quando a esposa abre a porta e o reconhece, se atira ao seu pescoço e o abraça afetuosamente. 
Ele tenta afastá-la, mas não consegue. Então, com lágrimas nos olhos, lhe diz:
" Eu fui fiel a você e você me traiu." Ela espantada responde:
" Como ? Eu nunca te traí, te espero durante esses 20 anos."
Ele então lhe perguntou:
" E aquele homem que você estava acariciando ontem ao entardecer ?
Ela lhe disse:
" Aquele homem é nosso filho. Quando você foi embora descobri que estava grávida. Hoje ele está com 20 anos de idade.
Então o marido entrou, conheceu, abraçou seu filho e contou-lhes toda a sua história, enquanto a esposa preparava o café.
Sentaram-se para tomá-lo e comer juntos o último pão. Após a doação de agradecimento, com lágrimas de emoção, 
ele parte o pão e ao abrí-lo, encontra todo o seu dinheiro, o pacto por seus 20 anos de dedicação.
Muitas vezes achamos que o atalho "queima etapas" e nos faz chegar mais rápido, o que nem sempre é verdade....
Muitas vezes somos curiosos, queremos saber da coisas que nem ao menos nos dizem respeito e que 
nada de bom nos acrescentará....
Outras vezes agimos por impulso, na hora da raiva e fatalmente nos arrependemos depois....
Espero que você, assim como eu, não esqueça desses 3 conselhos, e não esqueça também de confiar, 
mesmo que a vida muitas vezes já tenha lhe dado motivos para a desconfiança.

— Autor desconhecido

O Sentido do Natal - Mensagem de natal

Por: Will Albuquerque

O Natal é comemorado no dia 25 de dezembro de todos os anos, e nessa época encontramos lindas árvores de natal, enfeites magníficos, e decorações de nos deixar boquiabertos, que custam centenas de dólares ou de reais, e que o mundo todo para pra admirar.
O Natal além dessa beleza toda, é muito lucrativo, pode-se dizer que ele é uma máquina de fazer dinheiro, um dos feriados mais importantes para os comerciantes, em que o faturamento pode dobrar, triplicar e assim por diante — nesse feriado uma das figuras existentes é o Papel Noel. De acordo com a lenda ele mora no Polo norte, e distribui brinquedos para todas as crianças que se comportaram bem durante o ano todo, e quando dizemos para uma criança que ele não existe, muitos pais ficam bravos, pois acham que estamos tirando da criança ‘’A magia no natal’’. Mas estes não percebem que a magia do natal não está em ganhar ou receber presentes, tudo bem que receber presentes é muito legal, todo mundo gosta! . Mas a magia no natal não está em luzes piscando, senhores vestidos de vermelho, e com barbas brancas, e nem em enfeitar uma árvore de natal.
A magia do natal está em refletirmos sobre o nascimento de Jesus, e quão importante ele foi, e ainda é para nossas vidas, e também a sua importância em termos religiosos e culturais. Esse texto não é um artigo religioso, mas o sentimento de fé, gratidão, solidariedade é tão importante quando o ar que nós respiramos, uma pessoa que tem fé, acredita até o último momento, mesmo que o mundo diz que não, ela persiste e prova que pode Sim.
E esse é o sentido do natal, Sermos solidários com os nossos semelhantes, pessoas que estão bem mais próximas de nós do que imaginamos, mas que o egocentrismo não nos deixa enxergar, o sentido do natal também está na gratidão, agradecermos por tudo que temos e que infelizmente muitos não têm a mesma sorte.
Depois disso tudo ai sim podemos dar presentes, comemorar, e deixar a cidade muito mais colorida. Boas festas, que Deus abençoe a todos nós.

Feliz Natal!

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

20 de novembro, a importância do negro na sociedade

  Por: Will Albuquerque

Will Albuquerque, e sua avó Odália
    No dia 20 de novembro, comemora-se o dia da consciência negra, que é dedicado à reflexão sobre a inserção do negro na sociedade brasileira. Os negros chegaram ao Brasil para trabalhos escravos, e eram leiloados como se fossem objetos, sem condições alguma de saúde e direitos humanos. O dia para tal comemoração foi escolhido por coincidir com o mesmo dia da morte de Zumbi dos Palmares, um grande líder do quilombo dos Palmares, que lutava contra a escravidão submetida naquela época.
     Quando falamos de Afro-brasileiros, é claro que não podemos nos esquecer da Princesa Isabel, uma brasileira corajosa e, acima de tudo, humana, que libertou os negros da escravidão em 1888, com a Lei Áurea. Tal fato foi reconhecido por nosso país e na votação realizada pelo programa ‘’ O maior brasileiro de todos os tempos ‘' do SBT, ela ficou entre os três últimos finalistas.
     O povo negro, de fato, é um povo batalhador e vem cada vez mais conquistando o seu espaço no mercado de trabalho, na mídia, na política, na religião, na justiça e em todos os campos possíveis. Um povo que foi escravizado, que foi e ainda é humilhado por pessoas que se acham superiores por sua cor, mas que mesmo assim nunca desistiu, e tem alegria e motivos para viver.
     E não faltam exemplos para descrever a importância do povo negro atualmente. No Brasil, por exemplo, temos o grande ministro relator do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa, que superou todos os desafios e não precisou da polêmica cota racial para ser um renomado advogado, professor, jurista e magistrado brasileiro, sendo ele o 1° negro eleito presidente do STF, ganhando destaque na mídia por atuação no caso do ‘’mensalão’’ e espaço até no grande jornal americano ‘’The New York Times’’. Outros grandes exemplos são também Joyce Ribeiro, Pixinguinha, Taís Araujo, Tim Maia, Léo Santana, Thalles Roberto, Seu Jorge, Alcione e Glória Maria (um dos maiores nomes do jornalismo brasileiro).
     Já nos Estados Unidos temos exemplos do casal Obama, sendo Barack Obama, o primeiro presidente negro dos Estados Unidos, e Michelle Obama, a primeira dama, que luta contra a obesidade nos Estados Unidos. Uma vitória, já que no ‘’Apartheid’ ’, negros e brancos nem podiam visitar os mesmos locais. Outro exemplo é a grande cantora Whitney Houston, falecida em 2012, e também a cantora Beyoncé, sendo eleita a mulher mais bonita do mundo pela revista ‘’People’’ nesse ano.
     Se depois de tantas lutas pela libertação e pelo espaço na mídia e na sociedade, ainda assim há quem tenha preconceito, o racismo deixa essas pessoas cegas, pois não somos inferiores em nenhum aspecto. Como diz Makota Valdina: 'Não sou descendente de escravos, eu descendo de seres humanos que foram escravizados'.

sábado, 10 de novembro de 2012

Teleton 2012 - Participe dessa causa

Se Alguém Procurar Você...

* Com   Lágrimas...  É Porque Você Tem O Lenço;
* Com   Dor...  É Porque Você Tem O Curativo:
* Com   Palavras... É Porque Você Tem  Atenção;
* Com   Beijos...    É Porque Você Tem O Mel;
* Com   Dúvidas...   É Porque Você Tem O Caminho;
* Com   Desânimo... É Porque Você Tem O Estímulo;
* Com   Fantasias... É Porque Você Tem A Realidade;
* Com   Desespero... É Porque Você Tem A Serenidade;
* Com   Confiança... É Porque Você Tem A Força...

Ninguém Chega Até Você Por Acaso.

Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) é uma associação sem fins lucrativos brasileira, com sede em São Paulo, que visa tratar, reabilitar e reintegrar à sociedade crianças, adolescentes e adultos portadores de deficiência física. Possui centros de reabilitação em São PauloOsascoRecifePorto AlegreUberlândiaNova Iguaçu e Poços de Caldas.
E você pode criar novos prédios da AACD doando a partir de 5 reais, o dinheiro do seu cafezinho faz sim a diferença na vida de muita gente

Ser cristão não é só ir na igreja, é também ajudar quem precisa !

domingo, 16 de setembro de 2012

‎( Sem título )




Por: Nayara Melo


Vocês não imaginam a felicidade que esse papelzinho todo amassado traz consigo! Hoje tive o prazer de fazer uma das melhores ações da minha vida! Fui fazer umas compras e estacionei o carro na rua e logo apareceu um morador de rua dizendo: “Moça, pode deixar que eu olho! Boa tarde” e eu disse: ta certo! Boa tarde. E ai voltando ao local estacionado ele me disse: “Moça, desculpa porque sou assim, sei que muitos não gostam” e eu lhe disse: não tem o que desculpar! Você tem que ser assim mesmo. Ele olhou pra mim e disse: “Moça, se você for me dar dinheiro, ao invés de me dar o dinheiro, eu prefiro que você vá ali comigo comprar comida!” Não pensei duas vezes e disse: “Vamos lá, eu vou com você” ele abriu logo o sorriso, atravessamos o sinal e ele me disse: “Moça, só é um pouco longe” e percebi que estávamos perto de uma padaria e lhe disse: Estou um pouco atrasada, tem algum problema se a gente for lá na padaria? E ele com um sorriso enorme me disse: “Lógico que não! Chamei Pra ir lá porque é mais barato! Mas, só posso tá sonhando porque adoro bolo e justo hoje que é meu aniversário terei a oportunidade de comer um” e então parei um pouco... fiquei sem ação e lhe perguntei: Hoje é seu aniversário? E ele disse: “É sim, hoje estou fazendo 15 anos” e então olhei pra ele e disse: “Parabéns Rapaz, tudo de bom! Que Deus te ilumine sempre” e ele meio que sem graça olhou pra mim, soltou um sorriso e disse: “Muito obrigado! É o primeiro parabéns que recebo hoje e acredito que será o único” fiquei novamente um pouco sem reação e lhe disse chegando a padaria: “Não seja por isso, parabéns novamente! Hahah pode escolher o que você quiser” Fiquei observando e ele pegou pão de queijo, um bolo de rolo, um refrigerante e um cupcake e aí fui pagar... quando saímos da padaria dei tudo a ele e disse mais uma vez: Parabéns e fique com Deus! E ele olhou pra mim e disse espera. Olhei pra ele e ele disse: Esse bolinho que peguei (cupcake) é pra você! Como você foi a primeira a me dar parabéns queria te dar o primeiro pedaço do bolo” e ai foi que deu vontade de chorar... olhei pra ele e disse: “Muito obrigada! É uma honra receber o primeiro pedaço, faz tempo que não recebo! Mas, ficaria mais feliz se você ficasse pra você” e ele com os olhos brilhando disse: “era o mais bonito da padaria, tá com uma cara que tá muito bom! Vou ficar com ele então que estou com muita fome” soltei uma risada e disse: muito bem! Vou indo! Fica com Deus e se cuida! E ai a ultima coisa que ele me disse foi: Obrigado por se preocupar comigo e desculpa incomodar! E assim, ele me ajudou a sair da vaga! Essa é a história de Leonardo que hoje completa 15 anos. Palavra nenhuma expressará tamanha felicidade que senti em ter a oportunidade de deixar o dia dele um pouco mais feliz, ou menos triste como queiram falar. Obrigada Deus ! 

domingo, 12 de agosto de 2012

A Profissão dos Pais

Pai médico, pai engenheiro.
Está sempre conosco, a vida e o tempo inteiro.
Pai pintor, pai pedreiro.
Colorindo nossa vida, construindo o respeito.
Pai ator, pai jornalista.
Nos ensaiando para a vida, nos apresentando a alegria
Pai músico, pai professor.
Ensinando a harmonia, nos mostrando a biologia.
Pai amigo, pai consciente.
Independente da profissão está sempre presente.
Seja lá qual for a profissão do seu pai
Todos eles merecem, um Feliz Dia dos Pais

Will Albuquerque - www.cadernodecolunas.com

domingo, 10 de junho de 2012

Ociosidade?


"Ócio. Ó-cio. S.m.: O não fazer nada. Tempo de que se pode dispor; descanso, repouso; vagar. Preguiça, vadiagem. Ociosidade."

Estou vivendo em dias intensamente ociosos. "O não fazer nada", como já dissera o dicionário, é o exercício mais desgastante que meu corpo pudera fazer nos últimos tempos. Minha mente está cansada e todo o resto não consegue suportar sozinho o peso nos ombros. O momento não está sendo fácil. Viver anda exigindo muito de mim. Dormir, que sempre fora uma perda de tempo pra alguém como eu, tornou-se o refúgio. O silêncio grita. A calma não vem.

"Tempo que se pode dispor; descanso, repouso". Não. Definitivamente não. O tempo que era pr'eu poder dispor para algo útil e revigorante, o ócio usa-o exclusivamente pra ele. Me prende, me mantém no estável e eu não consigo descanso. É como me agasalhar e ainda assim ter os pés e mãos congelando. Como parar de correr e não conseguir recuperar o fôlego. Como cair sem ao menos ter levatado completamente. 

"Vagar". Talvez a única das definições em que me encaixo. Vivo uma busca interminável por tentar fazer algo que seja percebido, ser alguém reconhecido por alguma coisa boa que fez. Mas não... O mundo até me permitiria esse tipo de coisa, mas a podridão que se esconde por trás das pessoas é demais pra mim. Um sobrepeso superficial. Aprendi que ninguém nunca está como gostaria. A vida vai sempre "indo" como tem que ir. Responder pra alguém que tá tudo bem, é apenas um jeito de fingir que se lida perfeitamente com a dificuldade que é manter-se vivo. Quem me ensinou isso, hoje não está mais ao meu lado. Tudo por causa da podridão e o cheiro de esgoto que eu mesma tinha dentro de mim e não percebi. Agora é isso que me faz vagar. Atrás de maneiras para trazer tudo o que me faz bem de volta, um modo de recuperar a essência natural da minha alma...

"Preguiça, vadiagem". Exato! Tenho preguiça até mesmo de ver a disposição que as pessoas têm com a vida. O vai-e-vem rotineiro que todo mundo exerce esgota minha paciência de estar sentada observando tudo. Exagero? Talvez. Mas há dias não sei o que é distração. Anda tudo complicado, sabe? Meus limites estão sendo esgotados, erros passados estão dando tapas na minha cara. Dói. Eu tento esquecer. Tento fazer acreditarem em mim e todo mundo insiste em "cutucar a ferida". Deveria ter lembrado que ninguém vai querer facilitar as coisas; Talvez assim eu conseguisse lidar um pouquinho melhor com toda essa pressão. Mas não... Infelizmente as coisas estão longe de funcionarem como deveriam.

"Ociosidade". É isso. 

- Karla Reis.

Olá, galera! Faz tempo que ninguém posta nada aqui, não? Vim refrescar um pouco o blog e tirar as teias de aranha com o meu texto mais recente. Acho que uma coisa tão fofinha assim não pode ficar esquecida, né? Se existe algum leitor fantasma aí, não custa nada dar as caras e chamar os amigos, né? Venham! ♥
Beijos.